Orar é falar com Deus

A Sagrada Família de Belém – 30 de Dezembro

A Família de Belém é o reflexo mais puro da Santíssima Trindade, traz em si mesma a paternidade, a filiação e a essência da família, que é o amor. Por isso também se chamou a Jesus, Maria e José “a Trindade da terra”.
sagrada-familia-jesus-maria-joseNa Sagrada Família, JESUS é o Sol dos sóis: a Luz do mundo!

A VIRGEM MARIA é um sol que ilumina sem ofuscar; assim como dá à luz o seu Filho em Belém, no Calvário dá à luz espiritualmente a todos nós, que somos irmãos do seu Filho, tornando-se, na figura de João, a Mãe de cada um de nós.

JOSÉ, homem escolhido desde a eternidade para ser o patriarca da Família do Filho de Deus, e de todos os filhos de Deus que por dom gratuito somos, é um homem justo, no sentido bíblico da palavra, isto é, santo, cheio de graça santificante e de todas as virtudes necessárias para cumprir perfeitamente a sua missão de pai adotivo de Deus feito carne. Ele é um sol de justiça, que brilha sem magoar os olhos: sempre escolhe – livremente, prontamente e com iniciativa – o que se lhe apresenta como a Vontade de Deus, por mais sacrifícios que lhe custe.

Quando esses três Sóis brilham numa família, essa família resplandece. Reina nela uma comunhão delicada de pessoas que exclui a solidão, a falta de luz, de carinho e de paz.

Na terra, a luz não se difunde sem tropeçar com obstáculos. Os Três Sóis conheceram essas trevas… Mal nasceu o Sol dos sóis, começou a perseguição dos poderes das trevas, culminando com a Paixão e morte de Jesus na Cruz. Mas a luz ia por dentro. Nunca faltou o sentido de orientação, a plena confiança na Providência divina, a consciência de que, no meio e por meio de todos os horrores e vilanias, O DEUS UNO E TRINO É O SALVADOR DA HUMANIDADE.

Quem acolher na sua vida a luz dos Três Sóis não terá de temer nenhuma escuridão, porque essas trevas só poderão ser temporárias e externas. Os Três Sóis gostam de habitar no espaço íntimo dos corações, mais do que na superfície do mundo. Chegará o dia em que – como diz a Escritura – a cidade não necessitará nem de sol nem de lua para a iluminar, pois será iluminada pela glória de Deus e a sua luz será o Cordeiro (…). Não haverá noite (Apoc 21,23-25).

Fonte: Os Três Sóis de Antonio Orozco

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Saiba Mais